A partir da sua experiência diária, a psicoterapeuta hospitalar contrapõe o corpo-organismo, que habita o discurso médico‑científico e psicológico ao da subjetividade, do corpo em off, desligado do “circuito dos especialismos” e aposta na criação de modelos de intervenção clínica que sejam facilitadores dos processos de singularização.


Livro
Formato 21x14x1cm
ISBN 978-85-7448-024-4
Páginas 248
Sobre o autor (a) Cristina Surani Mora Capobianco nasceu em Montevidéu. Viveu em Buenos Aires até 1973, e desde 1974 mora em São Paulo. Especializou-se em psicanálise pelo Instituto Sedes Sapientiae. Mestra em psicologia pela PUC-SP, trabalhou em vários hospitais desde 1982 (Humberto I, Darcy Vargas e no setor de Gastroenterologia do Departamento de Pediatria do Hospital São Paulo). Atualmente, é coordenadora do setor de Saúde Mental do Núcleo de Assistência à Saúde do Funcionário da Unifesp e assessora da reitoria nos projetos de educação para filhos de funcionários

Escreva um comentário

Nota: O HTML não é traduzido!
Ruim           Bom