A Guerra Civil de Júlio César

Nova edição bilíngue com tradução, introdução e notas de Antonio da Silveira Mendonça

Este contundente testemunho político e militar aborda a luta dos anos de 49 e 48 a.C. pela supremacia em Roma, travada entre dois gigantes da História Antiga: Júlio César e Cneu Pompeu. A Guerra Civil de Júlio César é uma narrativa repleta de lições preciosas sobre o uso (e desuso) da informação (em um maquiavelismo avant la lettre, como frisam as notas do latinista Antonio da Silveira Mendonça para esta sua tradução), e constitui talvez o primeiro exemplo de trabalho de “marketing político” dentro da limitada democracia direta romana.

A edição traz, além de 208 notas de rodapé e uma apresentação do tradutor, uma dúzia de mapas e ilustrações relevantes. A contextualização e informações enriquecem ainda mais o conteúdo histórico do relato em si, que apresenta o olhar arguto de César sobre a crise da República Romana, que desaguaria no Império.

Caio Júlio César (100 – 44 a.C.) foi exemplo de soldado ímpar, homem de Estado e escritor. Notabilizou-se no exterior pela conquista e “pacificação” da Gália Transalpina e em Roma por uma atividade política febril apoiada nos populares, em oposição ao establishment capitaneado pela aristocracia.

Uma vez conquistado o poder em Roma após a sucessão de confrontos relatados aqui, César introduziu reformas modernizantes do Estado, que viriam a marcar a História tanto quanto os sucessos bélicos que lhe renderam imenso poder em toda a bacia mediterrânea. Mas o Imperator todo poderoso acabaria assassinado em 44 a.C. aos pés da estátua do rival Pompeu, que sucumbira também ele sob golpes traiçoeiros ao final dos acontecimentos aqui narrados.

O general transformado em historiador narra seus passos e a luta fratricida pelo poder no Mediterrâneo, na antiga Hispânia, na Gália (o famoso cerco de Marselha com sua impressionante parafernália de máquinas de guerra), na própria Itália, no Ilírico (onde Pompeu impôs dupla derrota a César) e na Grécia, onde foi travada a histórica batalha de Farsália, que colocou frente a frente cerca de 70 mil homens e consagrou o gênio militar de César, que, com seu talento estratégico e tático, derrotou um exército quase duas vezes mais numeroso. Também vamos ao Egito de Cleópatra onde César, acuado, provoca o trágico incêndio de Alexandria.






Título: A Guerra Civil
Autor: Caio Júlio César
História
Edição bilíngue e com ilustrações
Tradução, introdução e notas: Antonio da Silveira Mendonça
Formato: 14 x 21 cm / 312 páginas
ISBN: 978-85-865-94-8
Preço: R$ 56,00

Comentários

Escreva um comentário