História do autoritário professor ginasial Unrat, que acaba se apaixonando por uma cantora e bailarina do submundo, comprometendo a própria reputação. Uma sátira brilhante da moral dupla da burguesia nos tempos do Império. Clássico absoluto da literatura alemã do século XX, deu origem ao famoso O anjo azul, filme de Josef von Sternberg com atuação antológica de Marlene Dietrich.


 LEIA UM TRECHO

Livro
Formato 21x14x1,5cm
ISBN 978-85-744-8047-3
Páginas 237
Sobre o autor (a) Ludwig Heinrich Mann nasceu em Lübeck em 1871, filho de um senador local e da brasileira Julia Mann. Após o ginásio iniciou um estágio como livreiro, trabalhou na editora S. Fischer, em Dresden, de 1890 a 1892, assistindo nesse período aulas na universidade como ouvinte. Foi autor de romances -- Der Untertan [O Súdito], de 1914, é considerado sua obra-prima - novelas e peças de teatro. Escreveu numerosos ensaios literários, sobre Goethe, Voltaire, Flaubert, George Sand, Émile Zola, Victor Hugo, além de traduzir Choderlos de Laclos para o alemão. Em 1915 pôs fim a sua longa amizade e colaboração com Thomas Mann devido a posicionamentos antagônicos sobre a guerra de 1914. Emigrou por motivos políticos em 1933 para a França, depois para os Estados Unidos. Faleceu em Santa Monica (Califórnia) em 1950. Sobre os irmãos Heinrich e Thomas, escreveu em 1931 o escritor Gottfried Benn: “Vieram então em 1900 os irmãos Mann e resplandeceram. Ensinaram a uma geração literária o perigoso, o extático, a dissipação que notoriamente pertence às coisas da arte, trouxeram em seu sangue mesclado (...) a arte como a mais alta forma de corrupção de valores (...).”
Tradutor Erlon José Paschoal

Escreva um comentário

Nota: O HTML não é traduzido!
Ruim           Bom