A promessa seguido de
A pane


Autor: Friedrich Dürrenmatt
Tradução: Petê Rissatti e

Marcelo Rondinelli
Dimensões do produto: 14x21cm

Número de páginas: 224

ISBN: 978-85-7448-300-9

Livreiros e distribuidores
Para orçamentos e pedidos, nos encaminhe um e-mail: vendas@estacaoliberdade.com.br



Sobre a obra

FRIEDRICH DÜRRENMATT (1921-1990) é conhecido do público brasileiro por suas peças, como A visita da velha senhora e Os físicos. Em A promessa, que leva o subtítulo Réquiem para um romance policial, o autor desfia uma trama de mistério que ao mesmo tempo homenageia e subverte as convenções do gênero.

 

O romance apresenta a derrocada do experiente inspetor Matthäi. Apontado para solucionar o brutal homicídio de uma menina, Matthäi jura à família da vítima que encontrará o autor do crime. Insatisfeito com a conclusão oficial do caso, ele leva sua promessa às últimas consequências, arriscando sua carreira, seus princípios e sua sanidade.  A história de Matthäi se converte em uma reflexão sobre justiça, culpa, virtude e acaso — temas de predileção do autor.

 

Em A pane: Uma história ainda possível, o caixeiro-viajante Alfredo Traps tem de pernoitar em um vilarejo após seu carro sofrer uma pane na estrada. Ele se une a um grupo para um jantar. Os ilustres senhores que o convidaram têm o passatempo de encenar julgamentos e sentenças. Na posição de réu, Traps abrirá sua vida e seus segredos a estes desconhecidos de uma maneira irreversível.

 

Nas duas obras, o autor cria pérolas narrativas: leituras envolventes que incluem mergulhos fundos na moralidade humana e reflexões sobre o lugar da literatura e o fazer literário no mundo contemporâneo. Por suas ideias provocadoras e críticas à sociedade europeia da época, Dürrenmatt marcou seu nome entre os principais autores de língua alemã da literatura moderna.




Lembramos que toda compra nos reforça. Nesses tempos difíceis para o comércio do livro agradecemos o apoio a nosso catálogo e à bibliodiversidade.

 



Sobre o autor

 

FRIEDRICH DÜRRENMATT nasceu na pequena cidade de Konolfingen, na Suíça, em 1921, filho de um pastor protestante. Dürrenmatt estudou literatura, filosofia e teologia, mas não concluiu a universidade. Influenciado pelo teatro épico de Bertolt Brecht, escreveu sua primeira peça, Es steht geschrieben (“Está escrito”), aos 25 anos. [LEIA MAIS] 

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.