SOBRE A OBRA

Publicada originalmente em 1914, esta obra tem como personagem central o estranho Lafcadio, jovem capaz de salvar uma vida ou cometer uma atrocidade com a mesma naturalidade. A misteriosa trama do romance, na qual se movimentam personagens de índoles e motivações diversas, dá ensejo a reflexões de caráter metafísico, como no embate entre os personagens Anthime e Julius de Baraglioul, além de colocar frente a frente a ética e a liberdade absoluta, ou certo niilismo, conceitos sobre os quais paira, provocadora, a figura de Lafcadio.

SOBRE O AUTOR

André Gide foi um importante autor e editor francês, nascido em 1869, em Paris. Ele é fundador da Gallimard, uma das mais importantes casas editoriais francesas. Gide foi agraciado com o Nobel de literatura em 1947. Na ocasião, foi dito que sua extensa obra era muito significante artisticamente por apresentar a condição e os problemas humanos com um amor destemido à verdade e grande astúcia psicológica. Gide escreveu e publicou dezenas de obras nos mais diversos gêneros e contribuiu imensamente para a literatura francesa por meio de sua prática editorial. Faleceu em 1951.